Celebridades, televisão, cinema, música e mais

No “Esporte Espetacular”, Kaká relembra seu prêmio de melhor do mundo

O “Esporte Espetacular” deste domingo (17) é especial com o Kaká. Exatamente nesta data, há dez anos, o meia foi eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa. Foi a última vez que um brasileiro conquistou o troféu – de lá para cá, o argentino Lionel Messi e o português Cristiano Ronaldo se revezaram no topo. Em uma entrevista a Galvão Bueno, que será exibida no ‘Esporte Espetacular’ deste domingo, dia 17, Kaká relembra a conquista e faz um balanço da carreira no São Paulo, na seleção brasileira e em equipes internacionais. O encontro foi no Morumbi, onde o jogador foi revelado.

Depois de sonhar com o título inédito da Sul-Americana, o Flamengo foi superado na final pelo argentino Independiente, que levantou a taça em pleno Maracanã. O goleiro Muralha não estava em campo nos jogos decisivos, mas foi um dos personagens mais marcantes da temporada rubro-negra. Ele rompe o silêncio em uma entrevista exclusiva a Walter Casagrande, no quadro ‘Casão FC’. Na conversa, fala sobre a reação às duras críticas, a origem do apelido, a conquista do Campeonato Carioca, a convocação para a seleção e a vontade de dar a volta por cima no Flamengo. “Recebi ameaças, fiquei um bom tempo sem sair na rua, sem fazer nada. Só jogava e voltava para casa”, conta o jogador. Ele assume a má fase, com tristeza: “Eu me preparava tanto, que tinha certeza que iria bem. Tinha essa convicção comigo, mas infelizmente não dava. Fizeram uma imagem muito ruim de mim. Realmente não estou em um momento bom, mas tudo veio de forma muito pesada”.

Programe-se! A exibição do “Esporte Espetacular” é prevista para acontecer a partir de 11h06 na Globo.

Recomendamos:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.