Registro POP

Na Record TV, “Apocalipse” pode ficar para 2018

Igor Rickli foi colocado às pressas como o mocinho de "Apocalipse" - (Foto: Divulgação)

A Record TV está certa de que é impossível estrear sua nova novela bíblica no próximo dia 7 de novembro, e também coloca em dúvida que isso aconteça no dia 21 do mesmo mês. Alas do canal defendem a ideia de que a estreia de “Apocalipse” fique para 2018 por conta de problemas internos. O elenco está fechado e os trabalhos bem adiantados e separados em três frentes. Informações do jornalista Flávio Ricco.

Um dos maiores problemas é o visto de trabalho dos Estados Unidos. Esse documento ainda não foi liberado e está atrasando o calendário de gravações em Nova York, onde devem ser gravadas as cenas que estão programadas nos 12 primeiros capítulos de Vivian de Oliveira, a autora. O elenco e equipe técnica ainda tem outros roteiros: Israel e Itália, por exemplo. Os 30 profissionais ainda aguardam os vistos.

O que também pegou nos bastidores foi a saída repentina do então protagonista Guilherme Winter. Escalado para o papel do mocinho há tempos, ele foi remanejado para o elenco de “Rosa Choque”, novela de Cristianne Fridman, e deixou uma lacuna na produção de “Apocalipse”. Às pressas, a Record colocou Igor Rickli.

O elenco ainda reclama da maneira como está sendo preparado para a trama. Dizem que tudo é bastante precário, fazendo com que nomes importantes escalados para o trabalho busquem uma preparação por conta própria. Não investir nessa preparação faz a Record levar ao ar um trabalho que não tem o objetivo desejado. Novela de época, em qualquer canal, exige bastante cuidado ao preparar o elenco.

É curioso saber que, mesmo com tantos diretores, ninguém parece olhar ou dar importância para os problemas que rondam “Apocalipse”, que defenderá a principal faixa horária da teledramaturgia da Record. Resta saber se, caso adiada para o ano que vem, como ficarão os capítulos de “O Rico e Lázaro”, que se encaminha para a sua reta final já em novembro, sendo ou não substituída por outra produção no mês que vem.ss

Recomendamos:

Comentário(s)

Curta-nos:

Siga-nos:

Siga-nos: